Araçatuba e São José do Rio Preto sediam Ciclo de Debates do TCE em maio

comunicado_8.png

07/05/2018- SÃO PAULO- O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) realiza no dia 24 de maio (quinta-feira), às 14h00, no auditório da Universidade Paulista (UNIP), em Araçatuba, a quinta reunião do 22º Ciclo de Debates com Agentes Políticos e Dirigentes Municipais. Gestores públicos e lideranças de 59 (cinquenta e nove) cidades fiscalizadas pelas Unidades Regionais de Araçatuba (UR-01) e Andradina (UR-15) estão convidados a participar do encontro. 

Na sexta-feira, 25 de maio, o Presidente do TCE, Conselheiro Renato Martins Costa, o Secretário-Diretor Geral, Sérgio Ciquera Rossi, além de Diretores e uma equipe técnica da Corte de Contas paulista, reúnem-se com Prefeitos, Vereadores, Secretários Municipais e administradores em São José do Rio Preto. 

O sexto encontro, que tem como intuito orientar e debater ações que aprimorem as gestões administrativas, acontece às 10h00, no auditório da UNIP, que fica na Avenida Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira. Organizado pelas Unidades Regionais do TCE de São José do Rio Preto (UR-08) e Fernandópolis (UR-11), o evento reunirá representantes de 92 (noventa e dois) municípios jurisdicionados ao TCE. 

Com 22 (vinte e dois) anos ininterruptos de realização, o Ciclo de Debates do Tribunal de Contas passou por quatro cidades em 2018. Os encontros, sediados em Presidente Prudente, Bauru, Ribeirão Preto e Araraquara já reuniram um público de mais de 2.500 pessoas. 

. Tira-dúvidas 

Durante a programação, comandada pelo Presidente do TCESP, são apresentadas informações regionais inéditas sobre fiscalizações ordenadas, além de um comparativo sobre a situação das contas das Prefeituras das regiões, com as principais causas que levam à emissão de pareceres desfavoráveis pela Corte de Contas paulista. 

Em sua palestra, o Conselheiro-Presidente Renato Martins Costa também orienta os administradores sobre o Sistema de Auditoria Eletrônica de Órgãos Públicos do Estado de São Paulo (Audesp), o Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEG-M), os instrumentos de capacitação que o TCE disponibiliza aos jurisdicionados, entre outros assuntos. 

Dúvidas sobre temas relativos às áreas de Controle Interno, Terceiro Setor, Transparência e Acesso à Informação - como a criação de Ouvidorias -, aplicação de recursos na área do Ensino e Precatórios Judiciais também podem ser esclarecidas durante as reuniões do Ciclo de Debates. Uma palestra, no formato de perguntas e respostas, busca prestar esclarecimentos às questões mais recorrentes por parte dos jurisdicionados. 

Mais informações, galeria de fotos, calendário dos eventos e relatórios com dados regionalizados de interesse geral podem ser acessados no infosite do Ciclo de Debates por meio do link www. tce.sp.gov.br/ciclo