A contadores públicos, Presidente recomenda atenção ao planejamento

webdoor_accopesp_0.png

07/11/17- SERRA NEGRA- O Presidente do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP), Sidney Beraldo, afirmou ontem, em Serra Negra, que a falta de planejamento está contribuindo para reduzir a nota das cidades paulistas no IEG-M (Índice de Efetividade da Gestão Municipal). Criado pelo TCESP em 2015, o indicador mede a eficiência das administrações a partir de sete eixos de atuação pública (planejamento, saúde, educação, gestão fiscal, meio ambiente, tecnologia da informação e segurança das cidades).

“O IEG-M avalia, por exemplo, se o plano plurianual corresponde ao orçamento realizado. Porque, muitas vezes, isso tudo não passa de uma obra de ficção. E um bom planejamento e uma boa execução orçamentária contribuem muito para uma boa administração e para o resultado do indicador”, declarou Beraldo, durante a abertura do 38 Congresso da Associação dos Contabilistas e Orçamentistas Públicos do Estado de São Paulo Acopesp). “Esse é um ponto que merece muita atenção.”

No IEG-M divulgado este ano, 352 dos 644 municípios analisados pelo TCESP foram classificados como C+ (baixo nível de adequação) ou C (em fase de adequação) no quesito planejamento.“A população não aguenta mais impostos. A carga já é onerosa e tira a competitividade do país. Mas a demanda por serviços é cada vez maior. Como resolver isso? Usando tecnologia para um bom planejamento administrativo”, completou. “Precisamos inovar, avançar. Não dá para fazer mais do mesmo.”

O prefeito da cidade, Sidney Ferraresso, também destacou a importância do papel do TCESP no acompanhamento das contas municipais. “É salutar porque vamos nos moldando a tudo o que a legislação determina.”

Participaram do encontro gestores, contadores públicos, responsáveis por despesas, prefeitos e vereadores da região. O encontro, que discutirá temas relacionados às áreas de contabilidade e administração, acontece até sexta-feira.