Em palestra, Jobim afirma que sistema eleitoral foi eficiente, mas se esgotou

webdoor-jobim.png

10/08/17- SÃO PAULO- O ex-presidente do Tribunal Superior Eleitoral Nelson Jobim disse ontem, durante a palestra inaugural da XV Semana Jurídica do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, que o sistema eleitoral brasileiro está superado.

“Os partidos discutem questões nacionais e os candidatos, problemas regionais.Nosso sistema foi eficiente,mas está superado, esgotado”,declarou o ex-ministro para uma plateia de mais de 300 pessoas reunidas no auditório nobre do TCESP.

“Um sistema eleitoral precisa ser eficiente e os partidos políticos hoje perderam a importância. Precisamos pensar em uma reforma política”, completou o ex-ministro, que também foi Presidente do Supremo Tribunal Federal e titular das Pastas da Justiça e Defesa.Durante a apresentação, Jobim afirmou ainda que o voto distrital misto, que secaracteriza por uma combinação entre votos em candidatos regionais (distritais) e em partidos, pode ser uma alternativa.“Temos que criar um sistema para ser eficiente”, completou.

“E só se forma maioria (para as reformas) negociando, concedendo. O grande problema é que agora se introduziu o ódio na política partidária. E isso é perigoso.”

A solenidade foi comandada pelo presidente do TCESP, Sidney Beraldo. “Tenho certeza de que promover debates é a melhor forma de contribuirmos para o aprimoramento desse momento histórico que está transformando o Brasil”, declarou o Presidente. “A troca de experiências é uma das formas mais eficientes de disseminação de conhecimento. E faremos isso a partir de hoje”, completou Beraldo.

A abertura contou ainda com a presença do Presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), Deputado Cauê Macris, e do Secretário de Estado da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, que representou o Governador Geraldo Alckmin.

Também participaram o Presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP),Desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascaretti; o Presidente do Tribunal da Justiça Militar (TJM-SP), Silvio Hiroshi Oyama; o Advogado Jorge Eluf Neto, que representou a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SP), o Defensor-Geral do Estado, David Depiné, e o Procurador-Geral de Justiça do Ministério Público de São Paulo, Gianpaolo Smanio.

“Este é um evento tradicionalíssimo no Estado, um momento de congregação entre todos nós”, declarou Smanio. “Não só estamos debatendo, como fazemos isso juntos, o que é importante nesse momento em que vivemos.”

O Presidente do TJ concordou. “Este é um momento especial para pensarmos e repensarmos o Estado brasileiro. Mais importante do que cargos e pessoas são as instituições”, disse o Desembargador.

O Secretário da Segurança Pública também ressaltou a relevância da Semana Jurídica para a comunidade do Direito. “Este é um evento esperado no mundo jurídico com ansiedade todos os anos”, elogiou Barbosa Filho

Também estiveram presentes o Vice-Presidente do TCESP, Renato Martins Costa, os Conselheiros Dimas Eduardo Ramalho e Cristiana de Castro Moraes, a Auditora-Substituta de Conselheiro, Silvia Monteiro, e o Procurador-Geral do Ministério Público de Contas, Rafael Neubern Demarchi Costa.

Clique para acessar a galeria de imagens

Clique para assistir a palestra na integra