Tribunal participa de atividades do 62º Congresso Estadual de Municípios

dr-renato-temer.jpg

Confira a programação

O Presidente do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP), Conselheiro Renato Martins Costa, participou, na segunda-feira (2/4), às 19h00, da abertura do 62º Congresso Estadual de Municípios, em Santos. Organizado pela Associação Paulista de Municípios (APM), o evento tem como tema central este ano ‘País moderno – Cidades inteligentes’ e pretende debater questões ligadas ao aprimoramento das administrações públicas.

Direcionado a um público de dirigentes, secretários municipais, ordenadores de despesas, representantes e entidades representativas da sociedade civil, o objetivo do Congresso é fomentar as discussões sobre a boa gestão pública aliada à modernização dos municípios, possibilitando que prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, dirigentes e gestores municipais se atualizem quanto à conjuntura nacional e à tecnologia.

Dentre as autoridades presentes na abertura do 62º Congresso Estadual de Municípios a convite do Presidente da Associação Paulista de Municípios (APM), Carlos Cruz, estiveram o Presidente da República, Michel Temer; o Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles; o Ministro do Planejamento, Dyogo Henrique de Oliveira; a Senadora Marta Suplicy; o Deputado Federal Fausto Pinato; o Presidente da Assembleia de São Paulo, Deputado Estadual Cauê Macris, e o Prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa.

. Programação

O Secretário-Diretor Geral do TCESP, Sérgio Ciquera Rossi, participará, amanhã (5/4), da programação do congresso. Às 17h30, ele apresentará um painel sobre o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo ao lado do Prefeito de Mogi-Guaçu, Walter Caveanha, que mediará os trabalhos. A programação completa do evento pode ser conferida no link https://goo.gl/RjvFt7.

Durante a programação do evento, que acontece até sábado (7/4), no Mendes Convention Center, serão abordados temas relativos às áreas de saúde, educação, segurança, finanças, meio ambiente, tecnologia, além de outras ferramentas aliadas à boa gestão pública.

As discussões também estarão centradas em como desenvolver espaços em que pessoas se utilizem estrategicamente da infraestrutura, dos serviços, da informação e da comunicação e que atendam às demandas sociais e econômicas dos municípios, gerando, desenvolvimento econômico e humano.